Projeto

LEARNINGTEX

O projeto LEARNINGTEX pretende desenvolver um curso WBL (Work Based Learning) com uma abordagem MOOC (Massive Open Online Course) baseada em REA (Recursos Educacionais Abertos) sobre tecnologias avançadas para controle de qualidade têxtil, não apenas para funcionários têxteis desatualizados, mas também para trabalhadores inexperientes que acabaram de terminar seus estudos. O curso será orientado para funcionários de têxteis e estudantes interessados em atualizar conhecimentos sobre tecidos, máquinas e aplicação de novas tecnologias para melhorar os processos de controle de qualidade e reduzir custos.
O curso a desenvolver consistirá em duas partes fortemente orientadas para as necessidades dos RH, ambos baseados numa metodologia inovadora, desenvolvendo um Recurso Educacional Aberto (REA) moldado num MOOC. No final do projeto, será realizado um curso piloto em Portugal e Espanha, com visitas às instalações dos parceiros do consórcio do setor têxtil (CITEVE, AITEX e UPV).

Ano: 2016
Promotor: AITEX
Projeto

Higher education Online: MOOCs the European way

O objetivo do projeto é desenvolver e fortalecer uma rede aberta para a cooperação europeia sobre a educação aberta, em geral, e MOOCs, em particular.
Os parceiros vão construir uma rede institucional aberta em MOOC com base nos valores europeus como a transparência, equidade, qualidade e diversidade.

O projeto é co-financiado pela União Europeia, no âmbito do programa Aprendizagem ao Longo da Vida.

Entidade parceira portuguesa:  Universidade Aberta.

Data: 2014 - 2015
Promotor: EADTU - European Association of Distance Teaching Universities
Projeto

ECO – Elearning Communication Open-Data

Os Recursos Educacionais Abertos (REA) têm o potencial de ampliar o acesso à educação e de melhorar a qualidade e a eficiência de custos do ensino e aprendizagem na Europa. A forma mais eficaz para alcançar uma aplicação prática dos REA é através de cursos abertos massivos online (MOOC). Os MOOC podem ser aplicados a regimes de aprendizagem informal/formal ou não-formal e tornar a aprendizagem sempre presente. O projeto ECO vai concentrar-se em estender, a uma escala pan-europeia, as experiências de MOOC com maior sucesso na Europa, através de cursos piloto/teste e mostrando essas melhores práticas pela sua implementação em centros regionais de excelência em toda a Europa, avaliando os resultados, e divulgando as lições aprendidas com essas melhores práticas de aprendizagem em ambiente aberto e móvel.

O ECO irá implementar uma plataforma agregadora de MOOC através da integração de diferentes módulos fornecidos por alguns parceiros ECO, para a formação de professores para a aprendizagem colaborativa online e para a certificação dos professores que irão criar os seus próprios cursos.

O projeto é co-financiado pelo Programa-Quadro para a Competitividade e a Inovação (CIP).

Entidades parceiras portuguesas:  Universidade Aberta; Instituto Superior de Ciências da Informação e Administração.

Data: 2014 - 2015
Promotor: UNED - Universidad Nacional de Educación a Distancia (Espanha)
Repositório

E-Learning in European Higher Education Institutions – Results of a Mapping Survey Conducted in October-December 2013

O presente estudo sobre e-learning pretende contribuir para colmatar uma lacuna de dados e estimular a discussão sobre o desenvolvimento de políticas nacionais e europeias sobre a questão . Baseia-se numa pesquisa realizada pela EUA – European University Association, entre Outubro e Dezembro de 2013. 249 respostas de instituições de ensino superior, na sua maioria de universidades, de 37 países europeus foram recebidas.
Enquanto que a amostra foi auto-selecionada, esta representa quase um terço dos membros da EUA.
A pesquisa questionava sobre o tipo de e-learning que as instituições utilizam, as suas experiências nesta área e suas expectativas para o futuro. Considerou blended learning e on-line em vários formatos. Dado o forte interesse em MOOCs, uma grande parte do relatório é dedicada a este tema. O estudo também colocou questões relativas às estruturas de suporte e serviços, a coordenação intra-institucional, garantia de qualidade e de reconhecimento.

Ano: 2014
Autor(es): Michael Gaebel, Veronika Kupriyanova, Rita Morais, Elizabeth Colucci
Editora: European University Association
Repositório

Metaversia: a mooc model for higher education

A globalização e interdependência económica de uma sociedade pós-moderna impelem a universidade para uma missão de internacionalização. Mas à escala global, circunstâncias sociais, económicas e culturais têm implicações significativas sobre a capacidade dos indivíduos em mostrar o mérito exigido no ensino superior. O movimento de acesso livre revela o surgimento precoce de uma meta universidade que traz mais valias do ponto de vista financeiro para as universidades através do desenvolvimento partilhado de materiais educativos. Mas, apesar do enorme sucesso na disseminação e democratização do conhecimento proporcionado pelo movimento de acesso livre, este possui severas desvantagens financeiras e configura um grande passo atrás na inovação pedagógica devido a sua falha no devido aproveitamento das tecnologias colaborativas da Web 2.0. A fim de encontrar um modelo que melhor se adeque às necessidades de ensino e aprendizagem colaborativa numa economia da informação em rede, duas abordagens são seguidas nesta tese. A primeira consiste na análise e comparação do ecossistema educação aberta. Na outra abordagem, com base nos resultados anteriores, propomos um modelo para um MOOC, Metaversia, para uma rede de colaboração que aproveita o potencial de troca de capital, e de construção de conhecimento que existe no relacionamento interpessoal, permitindo uma plena participação dos cidadãos numa economia da informação em rede.

Ano: 2014
Autor(es): Tiago Santos, Carlos Costa, Manuela Carlos Aparício
Editora: ISCTE-IUL
Projeto

EMMA – providing multilingual access to European MOOCs

O European Multiple MOOC Aggregator (designado como EMMA), é uma acão-piloto de 30 meses apoiada pela União Europeia. Destina-se a mostrar a excelência em metodologias inovadoras de ensino e abordagens de aprendizagem por meio da criação de MOOCs-piloto em grande escala sobre assuntos diversos. O projeto EMMA irá fornecer um sistema de disponibilização de cursos online livres e abertos em vários idiomas a partir de diferentes universidades europeias, de forma a ajudar a preservar a rica herança cultural, educativa e linguística da Europa e para promover a aprendizagem intercultural e multilingue.

EMMA vai funcionar em dois modos principais: como um sistema agregador e de alojamento de cursos produzidos por universidades europeias ; e como um sistema que permite aos alunos a construção de dos seus próprios cursos utilizando unidades de MOOCs como blocos de construção. A equipa EMMA recorre a uma abordagem deliberada multi-lingual, multi-cultural de aprendizagem, oferecendo serviços de tradução e transcrição embutidos para cursos alojados na plataforma.

O projeto é co-financiado pelo Programa-Quadro para a Competitividade e a Inovação (CIP).

Entidade parceria portuguesa:  Universidade Aberta.

http://europeanmoocs.eu/

Data: 2014 - 2016
Promotor: Università degli Studi di Napoli Federico II