Repositório

Aprendizagem potenciada pela tecnologia no ensino superior: uma metodologia para o desenvolvimento de critérios de qualidade

O presente artigo apresenta os resultados preliminares de uma investigação que tem com o objetivo construir um referencial de qualidade da Aprendizagem Potenciada pela Tecnologia e desenvolver um modelo para avaliar a Aprendizagem Potenciada pela Tecnologia no Ensino Superior. O processo de construção desse referencial integra um quadro teórico, proveniente da literatura da especialidade com um estudo empírico de cariz interpretativo e exploratório. O artigo conceptualiza a problemática assente na qualidade da Aprendizagem Potenciada pela Tecnologia dando relevo à metodologia de quadro referencial utilizada para delinear de forma transparente critérios para aferir a existência de qualidade desta modalidade de aprendizagem. Serão apresentados os passos metodológicos assim como alguns resultados preliminares.

Ano: 2013
Autor(es): Diogo Casa Nova, Nilza Costa, António Moreira
Editora: CIIE – Centro de Investigação e Intervenção Educativas
Repositório

Aprendizagem Potenciada pela Tecnologia no Ensino Superior: Construção de um Referencial de Qualidade

A utilização da tecnologia como mediadora do processo de ensino e de aprendizagem tem sido um aspeto incontornável no Ensino Superior e nas prioridades institucionais. A sua utilização tem sido, no entanto, mais norteada por um paradigma de disponibilização em vez de ser norteada por um paradigma de potenciação. Este estudo procura discutir o papel da tecnologia como potenciadora da aprendizagem, através da introdução de um conceito de aprendizagem potenciada pela tecnologia. Nesse sentido o estudo procura apresentar um referencial de qualidade dos pressupostos para a existência de uma aprendizagem potenciada pela tecnologia que permita orientar os diversos atores para práticas de qualidade na utilização da tecnologia e facilitar o desenho de instrumentos de avaliação, autoavaliação e monitorização.

Ano: 2014
Autor(es): Diogo Casanova
Editora: Tese de doutoramento
Quem é quem

Ana Dias

Gestora do Centro e-learning da TecMinho/Gabinete de Formação Contínua da Universidade do Minho. Coordena uma equipa de técnicos e e-formadores que implementam cursos e-learning in-campus (na UMinho e IES) e off-campus (instituições nacionais e internacionais). Tem experiência como docente do ensino superior presencial e e-learning, é formadora e consultora.

Categorias: Consultor, Formador, Perito
Entidade: TecMinho
Projeto

TRACER – O uso das tecnologias da comunicação no ensino superior público português

Em Portugal, o conhecimento acerca do modo como as Instituições de Ensino Superior (IES) públicas usam as Tecnologias da Comunicação (TC) é ainda escasso e pouco estruturado. Para além da natureza recente e da evolução constante das TC, a ausência de políticas institucionais claras quanto à sua implementação e uso, o reduzido número de casos documentados de uso das TC, e a natureza bottom-up/isolada de algumas tentativas de uso das TC tornam necessária uma visão sistemática, útil tanto às IES, quanto aos decisores nacionais nesta área.
Com o projeto TRACER pretende-se caracterizar a adoção e uso das TC nas IES do sistema público português;  desenvolver e distribuir online uma ferramenta de visualização da informação que permita às IES partilhar e atualizar o modo como usam as TC; identificar boas práticas que possam ser úteis aos decisores no plano político, administrativo e pedagógico.

Projeto financiado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia e pelo Programa Compete.

Data: 2011 - 2014
Promotor: Universidade de Aveiro - Departamentos de Educação e de Comunicação e Arte
Projeto

VMCOLAB – European Co-Laboratory for the Integration of Virtual Mobility in Higher Education, Innovation & Modernisation Strategies

O objetivo é contribuir para a inovação e internacionalização das Instituições de Ensino Superior Europeus através da exploração de todo o potencial das TIC e da Mobilidade Virtual e alargando o acesso às experiências internacionais de aprendizagem a todos os estudantes europeus.

Projeto financiado com o apoio da Comissão Europeia no âmbito do programa Erasmus Projetos Multilaterais.

Entidade parceira de Portugal: Universidade do Porto

Data: 2012 - 2014
Promotor: Scienter srl