Repositório

Blended learning

In recent years, the training initiatives in blended learning increased enormously as a result of the different demands to integrate the Information and Communication Technologies (ICT) in educational systems. In Higher Education, the blend approach is highly pursued because of its unique flexibility that allows the teacher to propose, in every situation, more advantageous train- ing solutions for their students, contrary to mandatory classroom in Basic and Secondary schools. It seems that the blended learning approach, a concept often bordering others such as e-learning, distance education, online learning or open learning, allows you to get the best of both worlds, the face-to-face and the virtual, and be an alternative to the traditional classroom teaching models and to enhance the new forms of electronic learning environments that use only the virtual and the distance. The blended learning approach seems to have the advantages of some of the concepts described, as the flexibility to determine their own pace of learning, and removes the greater disadvantage which is the lack of human contact with colleagues and teacher.

Ano: 2015
Autor(es): José Alberto Lencastre, Clara Pereira Coutinho
Editora: IGI Global
Quem é quem

Célio Gonçalo Marques

Célio Gonçalo Marques é Professor da Unidade Departamental de Tecnologias de Informação e Comunicação do Instituto Politécnico de Tomar, exercendo também as funções de Presidente do Conselho Técnico-Científico da Escola Superior de Gestão e de Vice-Director do Centro de eLearning do Instituto Politécnico de Tomar. Possui licenciatura em Informática e Gestão, mestrado em Comunicação Educacional Multimédia, pós-graduação em Técnicas e Contextos de e-Learning e doutoramento em Ciências da Educação, área de Tecnologia Educativa. Colaborou com o Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas (Universidade de Lisboa) e com a Universidade Lusíada de Lisboa na lecionação de várias unidades curriculares de mestrado, tendo também sido convidado para lecionar no Instituto Superior de Educação da Universidade de Cabo Verde. Esteve envolvido em projetos relacionados com a informática na educação e prestou consultoria informática a várias empresas. Em termos internacionais esteve em missões de ensino na Universidade de Yasar (Izmir, Turquia), na Universidade de Vilnius (Vilnius, Lituânia) e na Universidade de Ciências Aplicadas Eszterházy Károly (Eger, Hungria) e é membro do comité editorial de várias revistas, entre elas, Electronic Learning, Information and Communication: Theory and Practice. É autor de diversas publicações nacionais e internacionais, entre elas, o livro “Os Hipermédia no Ensino Superior” e tem estado na organização de vários eventos científicos e técnicos, entre eles, o “Encontro sobre Jogos e Mobile Learning” (Universidade de Coimbra, 2012 e 2014) e o “Encontro sobre Web 2.0” (Universidade do Minho, 2008) do qual resultou o livro “Manual de Ferramentas da Web 2.0 para Professores” editado pelo Ministério da Educação. É também investigador do Centro de Administração e Políticas Públicas da Universidade de Lisboa e colaborador do Centro de Investigação em Educação da Universidade do Minho.

Curriculum Vitae: http://www.degois.pt/visualizador/curriculum.jsp?key=9617437441412951
Categorias: Consultor, Formador, Professor
Entidade: Instituto Politécnico de Tomar
Projeto

Inovação Pedagógica no Ensino Superior: e-Learning e Tecnologias Digitais

O projeto “Inovação Pedagógica no Ensino Superior: E-learning e tecnologias digitais” é desenvolvido pela Unidade de Investigação e Desenvolvimento em Educação e Formação do Instituto de Educação da Universidade de Lisboa. O projeto pretende identificar, divulgar e promover práticas inovadoras no domínio da utilização das tecnologias no ensino e e-learning na Universidade de Lisboa (ULisboa) e no ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL).
Pretende-se  apresentar atividades desenvolvidas no contexto de sala de aula presencial potencializadas pela utilização de aplicações, ambientes e ferramentas online no trabalho desenvolvido com estudantes, e partilhar experiências de desenvolvimento de oferta formativa totalmente a distância ou blended-learning em diferentes áreas científicas.

O O projeto é financiado pela FCT no âmbito do Programa “Partilha e Divulgação de Experiências em Inovação Didática no Ensino Superior Português”.

Data: 2014 - 2015
Promotor: Unidade de Investigação e Desenvolvimento em Educação e Formação - Instituto de Educação da Universidade de Lisboa
Repositório

Wiki as a tool for microbiology teaching, learning and assessment.

Evidence suggests that cooperative learning and peer-assessment fosters students’ ability to work with others and may lead to better cognitive outcomes and higher achievement. This work aimed to assess the use of an online collaborative tool for the teaching/learning and assessment of Microbiology.

Ano: 2013
Autor(es): Benedita Sampaio-Maia, JS Maia, Susana Leitão, Margarida Amaral, Pedro Vieira-Marques
Editora: European Journal of Dental Education
Repositório

Dinâmicas de MOODLiz@ção num agrupamento de escolas de Matosinhos: o caso do agrupamento vertical de escolas de Leça da Palmeira/Santa Cruz do Bispo

Tese de Doutoramento em Multimédia em Educação. O advento da Internet e da Web, na década de 1990, a par da introdução e desenvolvimento das novas TIC e, por consequência, a emergência da Sociedade da Informação e do Conhecimento, implicaram uma profunda alteração na forma de análise dos processos de ensino-aprendizagem, já não apenas segundo um prisma cognitivista, mas, agora, também social, isto é, segundo a(s) perspetiva(s) construtivista(s). Este estudo entronca precisamente na análise de um sistema ou plataforma tecnológica de gestão de aprendizagens (Learning Management System – LMS), o MOODLE, procurando-se, deste modo, dar resposta ao reconhecimento de que “urge investigar sobre a utilização real e pedagógica da plataforma” (Carvalho, 2007:27). Por outro lado, não descurando o rol de interrogações de outros investigadores em torno da utilização do MOODLE, nem enveredando pelas visões mais céticas que inclusive pressagiam a sua “morte” (Fernandes, 2008b:134), também nós nos questionamos se esta ferramenta nem sequer vai conseguir transpor “a fase de final de entusiasmo, e tornar-se uma ferramenta de minorias e de usos ocasionais?” (Fernandes, Op. cit.:133).

Ano: 2013
Autor(es): Rui Guimarães Lima
Editora: Tese de Doutoramento
Repositório

Educação on-line: impacto da formação na prática docente do ensino superior

Este artigo estabelece possíveis relações entre a formação no âmbito da educação on-line e as práticas letivas dos docentes, refletindo sobre o modo como a formação provocou mudanças nas práticas letivas e influenciou os docentes na estruturação e planeamento das Unidades Curriculares. Os docentes alteraram o modo de abordagem dos temas a tratar, adaptando as atividades, recursos e estratégias anteriormente utilizadas, para o ambiente on-line. Acreditamos que as formações desempenham um importante papel no sentido de promover a partilha de estratégias de dinamização da sala de aula virtual e de interação.

Ano: 2013
Autor(es): Ana Paula Rodrigues, Angélica Maria Reis Monteiro
Repositório

Quality of Blended Learning within the Scope of the Bologna Process

O artigo baseia-se em dados existentes sobre a abordagem blended learning no ensino superior. Apresenta o quadro teórico e os dados de um estudo empírico realizado na Universidade do Porto envolvendo professores, e que ganhou o “E-Learning Prize of Excellence” no período entre 2006 e 2010. O objetivo principal deste artigo é contribuir para um entendimento do valor do b-learning no âmbito do processo de Bolonha, iniciado na Universidade do Porto em 2006.

O estudo incluiu a recolha de dados através de questionários aplicados a professores e alunos, bem como entrevistas semi-estruturadas e análise de documentos. Os resultados de pesquisa destacam a importância da intervenção do professor para criar um ambiente que estimula os processos de cooperação, autonomia, integração social e o desenvolvimento de comunidades de aprendizagem, importantes neste mundo competitivo.

Ano: 2013
Autor(es): Angélica Monteiro, Carlinda Leite, Lurdes Lima
Editora: TOJET: The Turkish Online Journal of Educational Technology
Repositório

Carta da Qualidade para o e-Learning em Portugal

A carta da qualidade e-Learning que aqui se apresenta corresponde a um exercício desenvolvido pela TecMinho – Interface da Universidade do Minho e pela Quaternaire Portugal no âmbito do projeto Panorama e-Learning Portugal 360°. O exercício destina-se a criar uma proposta de carta da qualidade para servir de referência a operadores e governação, uma vez que não existe, em Portugal e em português, um instrumento deste tipo. Esta proposta de carta de qualidade resulta de um estudo de Benchmarking internacional e do estudo “no terreno” e com os operadores, ou seja, o estudo realizado em Portugal entre 2013 e 2014.

Ano: 2014
Autor(es): Ana Augusta Silva Dias, Alda Leonor Rocha, Fátima Correia, Manuela Neves, Paulo Feliciano
Editora: TecMinho
Repositório

Governação & Práticas de e-Learning em Portugal – Estudo 2014

Este documento constitui o Relatório Final do Estudo “Avaliação das práticas no domínio do e-Learning e contributos para a construção de um modelo de regulação” que a TecMinho promoveu em parceria com a Quaternaire Portugal, no âmbito da candidatura apresentada ao POAT FSE. O Relatório contém o roteiro de reporte relativo às atividades e produtos desenvolvidos ao longo do projeto realizado entre janeiro de 2013 e maio de 2014, e integra o principal conjunto de conteúdos produzidos ao longo do estudo nas vertentes de diagnóstico, reflexão e proposta, tendo em vista o objetivo de contribuir para a evolução do modelo de regulação e das práticas no domínio do e-Learning em Portugal. O estudo foi desenvolvido numa estreita colaboração entre a TecMinho – Interface da Universidade do Minho, e a Quaternaire Portugal, visando sistematizar um conjunto de propostas para a elevação dos padrões de qualidade do e-Learning em Portugal, visando uma reflexão em espaço de inovação aberta, que contribua para o desenvolvimento do campo de regulação do e-Learning.

Ano: 2014
Autor(es): Ana Augusta Silva Dias, Paulo Feliciano, Alda Leonor Rocha, Manuela Neves, Fátima Correia, Eveline Cardoso e Anabel Goulart.
Editora: TecMinho